Universidade brasileira faz vestibular para refugiados e asilados
BR

5 setembro 2012

Inscrições estão abertas até 2 de outubro; candidatos precisam comprovar status legal de refugiados no país com documentos do Comitê Nacional para os Refugiados, Conare.

 Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.*

Refugiados e asilados que estejam residindo no Brasil legalmente terão a chance, mais uma vez, de prestar vestibular no país.

As inscrições para o exame de acesso ao curso superior estão abertas até 2 de outubro na Universidade Federal de São Carlos.

Status

Para concorrer, os candidatos precisam comprovar o status legal com documentos do Comitê Nacional para os Refugiados, Conare.

O vestibular vale para cursos de graduação e os aprovados terão que frequentar as aulas na instituição.

Mais informações podem ser encontradas na página da Universidade Federal de São Carlos na internet.

Pelo menos uma vaga em cada um dos 58 cursos será destinada a refugiados que vivem, legalmente, no Brasil.

Os candidatos aceitos deverão se submeter a provas escritas na Universidade antes do resultado final.

A iniciativa é parte da Cátedra Sérgio Vieira de Mello que foi implantada, em toda a América Latina, em 2003, o mesmo ano da morte do ex-funcionário da ONU num atentado terrorista em Bagdá, capital do Iraque.

*Apresentação Leda Letra. Com informações do Acnur, Brasil.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud