Campanha da ONU com apoio de Beyoncé extrapola marca de 1 bilhão
BR

21 agosto 2012

Iniciativa que contou com o clip “I was here”, gravado na Assembleia Geral, atingiu 1,3 bilhão de adesões; cantores Rihanna, Lady Gaga e Justin Bieber lideraram os apoios na rede social, em lista que inclui jogador Kaká. 

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O Escritório das Nações Unidas para Assistência Humanitária, Ocha, informou que a campanha sobre o Dia Mundial Humanitário atingiu mais de 1,3 bilhão de adesões. O alvo era de 1 bilhão de alcance.

Lançada com um clip da cantora Beyoncé, “I was here”, a iniciativa pretendia angariar apoio para as ações de solidariedade em homenagem a trabalhadores humanitários em todo o mundo.

Empresas

O Dia Mundial Humanitário é comemorado em 19 de agosto. Após a gravação do clip na Assembleia Geral, outros artistas se juntaram à causa.

Os três nomes com mais seguidores na rede social, as cantoras Rihanna e Lady Gaga e o astro adolescente, Justin Bieber, ajudaram a alavancar o apoio para a iniciativa.

Além de artistas, juntaram-se à campanha do Ocha, empresas como a rede de sanduíches, Subway, e o canal MTV.

Kaká

O jogador Kaká também participou da lista com mais de 14 milhões de seguidores nas redes sociais.

A cantora nigeriana Sade, a apresentadora Oprah Winfrey e a primeira-dama dos Estados Unidos, Michele Obama, prestaram o seu apoio à causa humanitária.

O dia 19 de agosto foi escolhido em memória das vítimas do ataque terrorista à sede da ONU em Bagdá, que ocorreu em 2003. No atentado morreram 22 pessoas incluindo o chefe da Missão, Sérgio Vieira de Mello.

A data está sendo marcada, nesta terça-feira, em Genebra.

Assista ao vídeo de Beyoncé na Assembleia Geral.

Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News 

Baixe o aplicativo/aplicação para  iOS ou Android

Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud