OIT diz que Espanha pode se beneficiar com criação de empregos verdes BR

OIT diz que Espanha pode se beneficiar com criação de empregos verdes

Relatório, patrocinado pela agência, mostra que maior desafio é aplicar as políticas corretas para geração dos postos de trabalho na área. 

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Internacional do Trabalho, OIT, afirmou que a Espanha pode atrair crescimento econômico com a criação de empregos verdes.

Num relatório, divulgado nesta sexta-feira, a agência informa que a Espanha tem uma taxa de 50% de desemprego entre jovens.

Recessão

Atualmente, existem de 400 a 500 mil postos de trabalho verdes no país. O número equivale a cerca de 2% do índice total de desemprego espanhol.

A economia verde, por sua vez, representa uma contribuição de 2,4% no Produto Interno Bruto, PIB. Um valor de € 25 bilhões por ano, equivalentes a mais de R$ 62 bilhões.

Para a OIT, com assistência técnica, a Espanha terá condições de gerar empregos verdes e vencer a recessão que afetou o país.

Um estudo do Observatório de Sustentabilidade da Espanha e da Fundação Biodiversidade  revela que mais de 1 milhão de postos podem ser criados até 2020.

De acordo com a Comissão Europeia, o crescimento de emprego na indústria ecológica foi de 2,7%, em média, durante 2000 e 2008, contra 1% da economia total.