Ban preocupado com falta de progresso em conferência sobre armas
BR

26 julho 2012

Em nota, Secretário-Geral lembrou que encontro, em Nova York, termina nesta sexta-feira, e pediu às delegações para demonstrar flexibilidade na direção de um acordo.

[caption id="attachment_216861" align="alignleft" width="350" caption="Ban Ki-moon"]

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

As Nações Unidas informaram que estão preocupadas com o ritmo das negociações da Conferência sobre Desarmamento, que ocorre na seda da organização em Nova York.

Em nota, o Secretário-Geral, Ban Ki-moon, disse que está acompanhando, de perto, o trabalho da reunião sobre o Tratado de Comércio de Armas (ATT, na sigla em inglês).

Impacto Real

Ban lembrou que o encontro termina nesta sexta-feira, e pediu às delegações que demonstrem flexibilidade e que trabalhem para superar as diferenças.

O presidente da conferência decidiu estender os trabalhos, até tarde da noite, para tentar um acordo. Nesta quinta-feira, o grupo se reuniu a portas fechadas.

O Secretário-Geral disse esperar que o encontro leve a um acordo robusto e normativo sobre o comércio de armas. Para Ban, o resultado positivo pode gerar um impacto real na vida de milhões de pessoas que estão sofrendo as consequências de conflitos armados, repressão e violência.

Ele disse que os delegados do encontro devem este acordo a todos os civis inocentes que morreram em conflitos armados e violência, e também às crianças que ficaram privadas de um futuro melhor.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud