Relator pede a Camarões que aumentem medidas de segurança alimentar

24 julho 2012

Entre as recomendações, Olivier de Schutter pediu mais investimentos para pequenos agricultores e uma tributação mais estrita para empresas estrangeiras que exploram recursos naturais.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Um especialista das Nações Unidas pediu, esta terça-feira, que os Camarões tomem medidas para garantir a segurança alimentar a longo prazo. Cerca de uma em cada três crianças sofrem de desnutrição crónica do país.

O relator independente para o Direito Humano à Alimentação, pediu que haja investimento nos pequenos agricultores, maior responsabilidade e aplicação de leis fiscais mais rigorosas para as empresas estrangeiras que extraem recursos naturais.

Alerta Vermelho

Olivier de Schutter referiu que os indicadores de segurança alimentar estão em alerta vermelho, apesar das medidas para abordar a crise alimentar de 2008, além de crescentes receitas provenientes da utilização dos recursos naturais.

Ao reconhecer que “não falta vontade política”, Olivier de Schutter disse, entretanto, que era duvidoso que a estratégia para o acesso aos alimentos fosse realmente adaptada às necessidades das populações pobres.

Famílias Rurais

No norte dos Camarões, mais de oito em cada 10 famílias rurais vivem em situação de insegurança alimentar, indica uma nota de imprensa do Gabinete do Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos.

Por outro lado, em períodos de dois a quatro anos ocorrem crises que incluem as relacionadas às condições climáticas.

As recomendações do relator incluem a necessidade de redistribuição das receitas extraídas de recursos naturais para beneficiar às populações locais e aos marginalizados, incluindo grupos indígenas e mulheres.

*Apresentação: Eleutério Guevane.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud