Ban Ki-moon enumera realizações da Rio+20

28 junho 2012

Secretário-Geral refere que mais de 700 parcerias foram alcançadas na Conferência que também ficou marcado pelo consenso em lançar um processo para estabelecer metas universais de desenvolvimento sustentável.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O compromisso político com o desenvolvimento sustentável foi destacado, esta quinta-feira, pelo Secretário-Geral da ONU como o primeiro e mais importante sucesso do Rio+20.

Num discurso feito na Assembleia-Geral, Ban Ki-moon elogiou a presidente brasileira, Dilma Rousseff, pela liderança e diplomacia para o que chamou conclusão frutífera do documento final da conferência.

Sucesso

O Secretário-Geral realçou que o evento foi um sucesso e que marcou a evolução de um movimento global para a mudança. Ban lembrou que mais de 100 chefes de Estado e de Governo foram representados na conferência, que teve o envolvimento de outros líderes, diretamente das suas capitais.

O discurso indica que a segunda realização da Rio+20 foi o facto de os Estados-membros da ONU terem concordado em lançar um processo para estabelecer metas universais de desenvolvimento sustentável, MDGs.

Parcerias

O sucesso das parcerias entre os setores público, privado e a sociedade civil foi também apontado pelo Secretário-Geral, que referiu que estas são tidas no seu mandato como um meio central para alcançar as metas das Nações Unidas.

No pronunciamento é destacado que  700 parcerias foram alcançadas na Rio+20, com destaque para o lançamento da estratégia Fome Zero - com vista a proporcionar um melhor acesso a alimentos nutritivos para todos.

Para Ban Ki-moon, o documento final da Rio+20 prevê fortalecer uma abordagem com vista ao apoio de ações internacionais em prol do  desenvolvimento sustentável.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud