Banqueiro brasileiro é um dos ganhadores do Prêmio Campeões da Terra
BR

5 junho 2012

Distinção da ONU foi dada a Fábio Barbosa pela promoção da sustentabilidade nos negócios, e a outras cinco pessoas incluindo o presidente da Mongólia, Tsakhia Elbegdorj; anúncio ocorreu nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro.

[caption id="attachment_217170" align="alignleft" width="350" caption="Fábio C. Barbosa (centro) Crédito: Pnuma"]

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.*

O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Pnuma, entregou o Prêmio Campeões da Terra 2012 a seis indivíduos reconhecidos pela promoção da sustentabilidade.

Entre os ganhadores está o banqueiro brasileiro, Fábio Barbosa. Segundo o programa da ONU, ele demonstrou “visão empresarial ao promover o uso de energias renováveis e tecnologia limpa” nos negócios.

Primeiro Lugar

Além de Barbosa, foi agraciado também o atual presidente da Mongólia, Tsakhia Elbegdorj. Ele se tornou um “Campeão da Terra” por colocar políticas de sustentabilidade em primeiro lugar em seu governo.

A cerimônia de entrega ocorreu no Rio de Janeiro e contou com a presença do chefe do Pnuma, Achim Steiner.

O evento ocorre a cerca de duas semanas da Rio + 20, a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável.

Energia

Os outros ganhadores do Prêmio Campeões da Terra deste ano são o empresário de energia renovável, Sultan Ahmed Al Jaber, dos Emirados Árabes; o aeronauta suíço, Bertrand Piccard; o cientista holandês, Sander van der Leeuw e o ambientalista queniano, Samson Parashina.

Entre os agraciados em edições anteriores do Prêmio estão o ex-vice-presidente dos Estados Unidos, Al Gore, e a ex-ministra do Meio Ambiente, Marina Silva.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud