Unicef apoia registo de crianças com deficiência em Moçambique

4 junho 2012

Recenseamento vai permitir a elaboração de um plano especial de educação virado ao grupo; Governo estima em 7% a população com deficiência, num universo populacional de 23 milhões de habitantes.

 

 

Manuel Matola, da Rádio ONU em Maputo.

 

O Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, vai apoiar o governo de Moçambique a registar as pessoas que vivem com deficiência, para definir os diferentes graus. O objetivo é a elaboração de um plano especial de educação virado para o grupo.

Dados do executivo moçambicano estimam que 7% da população moçambicana sofre de algum tipo de deficiência. O país tem 23 milhões de habitantes.

Registo

Em declarações à Rádio ONU, de Maputo, o vice-ministro moçambicano da Educação, Augusto Jone, explicou a importância do registo.

“Vamos organizar o projeto. É importante que um governador saiba quantas pessoas com deficiência existem na sua província. Primeiro identificar o número de crianças, por distrito, província, que tipo de deficiência tem e como avançar para programa de integração nas escolas. Se as taxas de analfabetismo são altas para as mulheres, os mais prejudicados ainda são as pessoas com deficiência”, referiu.

Crianças sobredotadas

O dirigente anunciou que o plano prevê abranger pessoas consideradas “sobredotadas”.

“É uma área em que estamos fragilizados. Geralmente, quando pensamos na educação especial pensamos na negativa, de gente com alguma deficiência. Mas poucas vezes estamos atentos em alunos que na sala de aula entrega-se uma tarefa e em fração de segundos já fizeram, quer dizer, são alunos que aparentemente parecem incómodo para alguns”, frisou.

Parceiros

O plano do Ministério da Educação de Moçambique contará com ajuda de vários parceiros, incluindo o Unicef.

Em nota, a agência da ONU em Moçambique diz acreditar que todos os menores, “incluindo as crianças com deficiência, têm direitos inalienáveis que devem ser respeitados pela sociedade no geral”.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud