Nações Unidas marcam Dia Internacional dos Boinas Azuis
BR

29 maio 2012

Organização tem 120 mil integrantes das forças de paz em todo o mundo; somente em 2011, 112 pessoas morreram em serviço.

[caption id="attachment_216711" align="alignleft" width="350" caption="Foto: UN PHOTO"]

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

As Nações Unidas marcam, neste 29 de maio, o Dia Internacional dos Boinas Azuis. Em mensagem sobre a data, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, informou que a oraganização tem cerca de 120 mil integrantes das forças de paz no terreno.

Mas o trabalho não é livre de riscos. Somente no ano passado, 112 boinas azuis morreram em serviço.

Protocolo

Na Missão da ONU em Cote d’Ivoire, também conhecida como Costa do Marfim, Unoci, serve o brasileiro, tenente-coronel Carlos Frederico Schonhardt. Nesta entrevista de Abdijã, ele falou sobre os desafios que enfrenta na chefia do protocolo da Missão.

“São doutrinas e formas de trabalho diferentes. Cada nação e cada país têm uma forma peculiar de conduzir o seu dia-a-dia. Mas aqui na ONU, tentamos padronizar os procedimentos, de forma, a que nós tenhamos condições de harmonizar o trabalho e padronizar uma forma de operação para que nós consigamos os objetivos propostos pelo mandato da ONU aqui em Cote d’Ivoire”, disse.

Coroa de Flores

Em homenagem aos boinas-azuis, que perderam a vida em serviço, Ban Ki-moon depositou uma coroa de flores na sede da ONU, em Nova York.

Ban disse que o objetivo da organização é levar estabilidade duradoura a áreas em conflitos, para que, um dia, os boinas azuis “não sejam mais necessários.”

*Apresentação: Mônica Villela Grayley.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud