Chefe da ONU parabeniza Timor-Leste por segundo turno de eleições
BR

16 abril 2012

Secretário-Geral, Ban Ki-moon, diz que votação pacífica reflete compromisso do povo timorense com a estabilidade e a democracia.

[caption id="attachment_214340" align="alignleft" width="350" caption="Segundo turno ocorreu nesta segunda"]

Camilo Malheiros Freire, da Rádio ONU em Nova York*

Centenas de milhares de eleitores foram às urnas, nesta segunda-feira, para escolher o novo presidente do Timor-Leste. Os candidatos Francisco Guterres Lu Olo e Taur Matan Ruak disputaram o segundo turno da votação, que deixou de fora o presidente José Ramos Horta, que chegou em terceiro lugar.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, parabenizou o povo do Timor-Leste pelas eleições pacíficas, e afirmou que elas demonstraram o “compromisso da população com a estabilidade, a democracia e a unidade nacional”.

Polícia Nacional

A chefe da missão da ONU no país, Ameerah Haq, disse que a polícia nacional contribuiu para um processo eleitoral tranquilo e sem maiores incidentes. Na capital do país, Díli, a polícia monitorou os pontos de votação, como conta o comandante-geral da Polícia Nacional do Timor-Leste, Longuinhos Monteiro.

“Em princípio, estou aqui para observar a situação direta da parte de segurança do centro de votações em Díli. E também monitorei nesta manhã no Centro Nacional de Votações a situação em todo o território nacional.”

Unmit

Uma voluntária da ONU que ajudou na votação, Ludmila Caminha Barros, explicou o processo das urnas.

“Então elas (as pessoas) se identificam com o cartão de eleitor e depois que elas terminam de votar, elas tem o dedo indicador direito mergulhado na tinta que é para identificar que elas já votaram.”

A Missão da ONU no Timor-Leste, Unmit, deve completar seu mandato até o final deste ano.

Seus focos de trabalho são a assistência eleitoral, o desenvolvimento de instituições e a capacitação da polícia nacional.

O Secretário-Geral reiterou também o apoio das Nações Unidas às eleições parlamentares, que estão previstas no país para julho desse ano.

*Apresentação: Leda Letra, com reportagem de Daniela Traldi, da Missão das Nações Unidas no Timor-Leste, Unmit.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud