ONU defende “diálogo aberto” entre famílias moçambicanas para proteção da rapariga

9 março 2012

Dia Internacional da Mulher, celebrado sob o lema “Empoderando as raparigas, construindo o futuro”, através de palestras com estudantes.

Manuel Matola, da Rádio ONU em Maputo

As Nações Unidas em Moçambique consideram que as famílias moçambicanas devem ter um “diálogo aberto” com as raparigas para ajudar este grupo social a obter um futuro próspero.

O desafio foi lançado esta quinta-feira pela Coordenadora Residente das Nações Unidas em Moçambique, Jennifer Topping, por ocasião do Dia Internacional da Mulher, celebrado sob o lema “Empoderando as raparigas, construindo o futuro”.

Educação Formal 

Falando à Rádio ONU, em Maputo, Jennifer Topping disse que “as raparigas e as mulheres devem continuar a ser educadas para ter mais oportunidades.

“A educação é realmente a fonte principal para o desenvolvimento da pessoa e do país. O maior problema do empoderamento (da mulher) é a educação formal e ao nível da comunidade e da família”.

As Nações Unidas assinalaram o dia 08 de Março numa Escola Secundária na cidade de Maputo, que tem um número considerável de alunas com gravidez precoce.

A data foi também lembrada por Graça Machel, defensora dos direitos das crianças e apoiante do movimento global do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef.

Sofrimento Humano

Graça Machel criticou o fato de em pleno século XXI as mulheres ainda serem discriminadas e parte delas olharem para “liberdade ainda como uma miragem”.

“É um grande desafio ser-se mulher no século XXI, porque apesar de todos os progressos, a cara do sofrimento humano ainda é representado por uma mulher e uma criança. A cara das piores humilhações que se pode infringir a um outro ser humano é da mulher. Portanto, vivemos um período de grandes contradições”.

Em Moçambique, as Nações Unidas lançaram esta quinta feira uma plataforma de diálogo com as estudantes visando dar a conhecer a importância do empoderamento da rapariga para a defesa dos seus direitos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud