Terremoto nas Filipinas mata 50 pessoas, dezenas estão desaparecidas
BR

6 fevereiro 2012

Segundo informações do Escritório de Asssistência Humanitária das Nações Unidas, epicentro do tremor, de 6.9 graus na escala Richter, foi a 70km ao norte da cidade de Dumaguete, na ilha Negros.

[caption id="attachment_211177" align="alignleft" width="350" caption="Imagem: Ocha"]

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.*

Um terremoto de 6.9 graus na escala Richter atingiu as Filipinas, nesta segunda-feira, matando ao menos 50 pessoas.

Segundo o Escritório de Asssistência Humanitária das Nações Unidas, Ocha, dezenas de pessoas estão desaparecidas. O epicentro foi registrado a 70 km ao norte da cidade de Dumaguete, na ilha Negros, ao sul da capital Manila.

Assistência

As informações foram passada à ONU pelo Conselho Nacional de Gerenciamento de Redução de Riscos de Desastre das Filipinas.

Segundo a mídia local, muitas pessoas morreram com deslizamentos de terra ocorridos logo após o terremoto.

O governo ainda não pediu assistência das Nações Unidas, mas através de seu porta-voz, o Secretário-Geral, Ban Ki-moon, informou que a organização está preparada para ajudar.

O Ocha está monitorando a situação através de seus escritórios nas Filipinas.

*Apresentação: Leda Letra.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud