Intel junta-se à ONU em iniciativa de melhoria da saúde no mundo
BR

30 janeiro 2012

Parceria possibilitará cursos para parteiras e trabalhadores da saúde em países em densenvolvimento.

[caption id="attachment_210816" align="alignleft" width="350" caption="Programa também será realizado na Índia"]

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.*

Uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, Intel, anunciou uma parceria com as Nações Unidas para melhorar serviços de saúde em vários países em desenvolvimento.

A iniciativa, anunciada em Santa Clara, na Califórnia, e em Nova York, ajudará a treinar parteiras e trabalhadores de saúde.

Hora do Parto

Em um comunicado conjunto, o Fundo de População das Nações Unidas, Unfpa, e a Intel afirmaram que o objetivo é combater mortes desnecessárias de mães e bebês. Muito óbitos ocorrem durante a gravidez ou até mesmo na hora do parto.

A colaboração também prevê o uso de tecnologia e assistência técnica pela Intel além de materiais fornecidos pelo Unfpa.

A empresa irá fortalecer o programa “Cada Mulher, Cada Criança” para ajudar a treinar 1 milhão de agentes de saúde até 2015.

Profissionais Capacitados

De acordo com as Nações Unidas, cerca de 360 mil mulheres morrem durante a gravidez ou o parto, e até 2 milhões de bebês perdem a vida nas primeiras 24 horas após o nascimento.

A maioria destas mortes ocorre por falta de acesso a profissionais de saúde capacitados.

A parceria do Unfpa com a Intel também facilitará os cursos na área de saúde com módulos online e material multimídia.

O programa será realizado em países com altos índices de morte materna e neonatal, como por exemplo Índia, Bangladesh e Gana.

*Apresentação: Leda Letra.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud