Aglomeração de multidões é risco para saúde pública de acordo com OMS

18 janeiro 2012

A Organização Mundial da Saúde indicou que eventos variados, como festivais de música ou desportivos, aumentam os riscos de surtos de doenças contagiosas; a OMS está a trabalhar em conjunto com o governo britânico para prevenir durante os Jogos Olímpicos de Londres.

[caption id="attachment_210240" align="alignleft" width="350" caption="OMS: riscos para a saúde em eventos que atraem multidões"]

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque*.

A Organização Mundial da Saúde, OMS, divulgou nesta terça-feira um alerta sobre os riscos para a saúde pública causados por eventos que atraem multidões.

Segundo a OMS, festivais de música e eventos desportivos internacionais, como o Mundial de Futebol, podem colocar em perigo a saúde pública, aumentar os níveis de ansiedade e até afetar economias.

Vírus

A agência sublinha que doenças causadas pelo clima ou desidratação são comuns durante eventos de grande porte.

O médico da OMS, Maurice Barbechi, disse à Rádio ONU, de Genebra, que os riscos para a saúde pública aumentam devido ao contato próximo entre pessoas em locais superlotados, e também devido às condições climátéricas extremas.

O médico Maurice Barbechi dá exemplos: surtos de doenças contagiosas como a meningite, o sarampo ou doenças gastroentestinais já foram associados aos eventos de massa. Além disso, pode haver riscos de doenças quando a temperatura é muito alta ou muito baixa.

A OMS indicou ainda que está a trabalhar em conjunto com governos e autoridades sanitárias na preparação de eventos internacionais, por exemplo, os Jogos Olímpicos de Londres, julho deste ano.

*Apresentação: Joyce de Pina

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud