ONU volta a enviar fundos de emergência para ajudar as Filipinas

4 janeiro 2012

As Nações Unidas destinaram mais US$ 2,9 milhões para o arquipélago, que se bate com as consequências das inundações provocadas pela tempestade Washu de meados de dezembro.

[caption id="attachment_209608" align="alignleft" width="350" caption="Milhares seguem deslocados nas Filipinas"]

Joyce de Pina, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Fundo Central de Resposta à Emergência das Nações Unidas, Cerf, voltou a enviar para o arquipélago das Filipinas US$ 2,9 milhões para ajudar as agências e organizações internacionais na assistência às vítimas.

Depois de a tempestade tropical Washi ter destruído parte da principal ilha do país, Mindanao, foram as inundações provocadas pela tempestade que mais estragos fizeram.

Alimentos e Medicamentos

De acordo com a proteção civil filipina, o número de vítimas mortais eleva-se para 1453 e quase 1600 pessoas estão feridas, além de 280 mil terem sido directamente afetadas e estarem necessitadas de alojamento.

O dinheiro do fundo de emergência das Nações Unidas foi distribuído por várias entidades e está a servir para a compra de tendas, alimentos, medicamentos e outro material de apoio logístico.

A Organização Internacional para Migrações, OIM, e o Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, são algumas das agências da ONU contempladas com a alocação de fundos.

De acordo com as autoridades locais, o que as vítimas precisam neste momento é de um local onde viver enquanto esperam a reconstrução.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud