Pai Natal conta enviar 1,6 milhões de postais e mails aos mais pequenos

21 dezembro 2011

Os correios franceses não têm mãos a medir com a iniciativa que está a ser organizada pelo Secretariado do Pai Natal em Libourne; segundo União Postal Universal, até agora, 160 mil pessoas receberam uma resposta do Pai Natal através do correio electrónico.

[caption id="attachment_209180" align="alignleft" width="350" caption="Foto: Correio do Canadá "]

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Todos os anos, crianças de todas as partes do mundo escrevem para aquele que é, provavelmente, o mais conhecido habitante da Lapônia, o país one vive o Pai Natal.  Resposta a estas cartas requer uma mobilização geral, que envolve, normalmente, funcionários e voluntários. Este ano, devem ser respondidas pelo menos 700 mil cartas oriundas de 198 países.

Mas também este ano, os correios em França, La Poste, montaram um sistema especial na cidade de Libourne. Trata-se do Secretariado Pai Natal. O Pai Natal visita o centro e reúne-se com milhares de crianças das escolas locais.

Endereço Especial

De acordo com os Correios, deverão ser enviados 1,6 milhão de cartões postais,  além de 160 mil emails.

Há trinta anos, o Correio do Canadá criou um endereço especial para o Pai Natal com um código postal especial: HOH, OHO, imitando o som caraterístico, em inglês, do “bom velhinho”.

Já na Alemanha, são enviadas cerca de 300 mil cartas todos os anos em 17 idiomas ao habitante da Lapónia.

Mas a maioria das missivas ainda segue para a agências do Pólo Norte, da Groenlândia, da Finlândia e da Lapônia.

*Apresentação de Joyce de Pina.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud