Onusida e Standard Bank promovem campanha de sensibilização de HIV em África para “Chegar a Zero” infecções

16 dezembro 2011

Parceira visa consciencializar as comunidades locais e os funcionários do maior grupo de bancário de África sobre os perigos do vírus que causa a Sida; iniciativa decorre no Gana, Nigéria, Uganda e África do Sul

Manuel Matola, da Rádio ONU em Maputo

O Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Sida, Onusida, está a promover uma campanha de sensibilização contra a doença em quatro países do continenten africano em parceira com o Standard Bank.

A iniciativa prevê a utilização de recursos de comunicação e marketing do Standard Bank, o maior grupo bancário de África, e a partilha do  conhecimento e experiência da agência das Nações Unidas na resposta ao flagelo.

A campanha, de dois anos, pretende ajudar a aumentar a consciência sobre questões de  transmissão do HIV às comunidades locais e aos funcionários da instituição no Gana, na Nigéria, Uganda e África do Sul.

Sob lema “Chegar a Zero” infecções, o programa já começou a ser desenvolvido na África do Sul, onde decorreram partidas de futebol nas comunidades e competições entre os ouvintes de rádios sobre formas de prevenção do HIV.

Preservativos

Durante duas semanas, foram distribuídos preservativos e cerca de 1,150 sul-africanos se submeteram ao aconselhamento e testagem voluntária do vírus que causa a Sida.

Futebol

As actividades no Uganda, Gana e Nigéria também incluem testagem voluntária, distribuição de preservativos, divulgação de informações sobre HIV e partidas de futebol com jovens, banqueiros, ministros e parlamentares.

O Standard Bank realizou uma companha interna de sensibilização e advocacia  interna que atingiu cerca de 50.000 funcionários.

Parceira excelente

O director do Grupo de Desenvolvimento Internacional no Standard Bank, Udo Raab, disse que este é o primeiro ano em que a instituição estabelece uma parceria com o Onusida no âmbito das comemorações do Dia Mundial de Combate ao Sida, que se assinala 01 de Dezembro.

A responsável pelas parceiras com o sector privado no Onusida, Regina Castillo, disse que o trabalho conjunto com o grupo Standard Bank “é um excelente exemplo de como as empresas podem contribuir significativamente para a resposta a Sida.

Regina Castillo referiu que, ao se envolver no projecto, o Standard Bank está a contribuir para as comunidades para a qual trabalha, mantendo sua força de trabalho e seus negócios saudáveis”.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud