ONU pronuncia-se sobre resultados provisórios de presidenciais na RD Congo

9 dezembro 2011

Últimos resultados apontam o atual presidente como vencedor do escrutínio; Secretário-Geral da ONU repete pedido de calma e paz durante eleições.

[caption id="attachment_208690" align="alignleft" width="350" caption="Eleições na República Democrática do Congo"]

Susete Sampaio, da Rádio ONU em Lyon.

Em nota enviada pelo seu porta-voz nesta sexta-feira, o Secretário-Geral da ONU mostrou o seu conhecimento sobre o anúncio dos resultados provisórios das eleições presidenciais na República Democrática do Congo, RD Congo.

O resultado do escrutínio avançado pela Comissão Eleitoral Nacional Independente do país, deu a vitória ao presidente Joseph Kabila que arrecadou a maioria dos sufrágios. Kabila é chefe de Estado da RD Congo há 10 anos.

Processo pacífico

Ban Ki-moon pediu que quaisquer diferendos que surjam relacionados com os resultados sejam resolvidos pacificamente, com o recurso a mecanismos legais de mediação legais, entre eles o Comité de Mediação Nacional.

A situação no terreno é seguida de perto por Ban, que condena atos de violência associados ao processo eleitoral.

Por fim, na mesma nota, o secretário-geral repete o seu apelo à calma e o pedido de que todos os candidatos e simpatizantes ajam com moderação e abstenham-se de qualquer ato de violência, de provocação ou de incitação à violência.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud