ONU investe em redes sociais para fazer campanha sobre Dia dos Direitos Humanos

8 dezembro 2011

Data é marcada neste 10 de dezembro; discussão no Twitter e Facebook ganha, cada dia, mais adesões.

[caption id="attachment_196684" align="alignleft" width="350" caption="Navi Pillay vai conversar com internautas no sábado"]

Susete Sampaio, da Rádio ONU em Lyon.

A campanha “Celebrar os Direitos Humanos” da ONU está a ganhar adeptos nos usuários das redes sociais, segundo o Escritório da organização para aquele setor.

Em contagem decrescente para a comemoração anual do Dia dos Direitos Humanos, assinalado a 10 de dezembro, a ONU mantém desde há um mês uma discussão no Facebook e no Twitter.

Declaração Universal

Com o nome “30 Dias e 30 Direitos”, na tradução em português, a campanha dedica posts diários a três dezenas de diferentes artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

As páginas do Facebook da campanha já foram visitadas por mais de um milhão de internautas, sendo Tunes, Londres e Giza, no Egito, as origens dos principais visitantes.

A alta comissária da ONU para Direitos Humanos, Navi Pillay, afirmou que 2011 foi um ano extraordinário para o setor, especialmente no Médio Oriente e no Norte de África, mas também em outros países onde as pessoas se mobilizaram, para reivindicar os direitos básicos, muitas vezes com a ajuda das redes sociais.

Em 2011, os direitos humanos tornaram-se “virais”, segundo Navi Pillay. A expressão é usado em marketing para descrever algo muito popular.

Diálogo Global

Foram enviadas pelos usuários das redes sociais centenas de questões a que Navi Pillay responderá no sábado, entre as 9h30 e as 10h30 da manhã, hora de Nova Iorque, durante o Diálogo Global em Direto na internet.

A conversação Global com Navi Pillay ocorre neste sábado, com questões de usuários dos meios sociais. O evento estará disponível em direto no Facebook, na página dos Direitos Humanos  ou na página web da ONU .

As questões podem ser enviadas por Twitter, com o uso do hasgtag  #AskRights ou colocadas sob forma de posts na página do evento no Facebook .

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud