Pnuma ajuda na restauração dos serviços meteorológicos da Serra Leoa

14 novembro 2011

Anos de guerra civil destruíram quase a totalidade do sistema meteorológico do país da África subsariana; numa ação conjunta, agências da ONU vão restaurar o sistema e permitir melhor previsão de clima, especialmente as mudanças climáticas extremas.

Susete Sampaio, da Rádio ONU em Lyon.

Grande parte da infraestrutura meteorológica da Serra Leoa ficou danificada durante os 10 anos em que o país atravessou a guerra civil.

Em comunicado de imprensa, o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Pnuma, informa que vai reunir esforços para restaurar os serviços climatológicos e meteorológicos do país. O projeto que faz parte da “Visão comum pela Serra Leoa’’ da ONU, tem como elemento-chave a “cooperação ambiental para consolidação da paz’’.

Pnuma e Pnud

Nesta iniciativa, o Pnuma conta com a colaboração do Programa da ONU para o Desenvolvimento, Pnud, para financiar um projeto que inclui a formação de funcionários do Departamento Meteorológico da Serra Leoa e a construção de seis estações meteorológicas automáticas em diferentes regiões do país.

Sem uma boa previsão do clima, os agricultores serra-leoneses não sabem com exatidão quando devem semear e recolher as suas plantações.

Na prática, o projeto vai restabelecer as infraestruturas de base e os procedimentos de manutenção para fazer previsões meteorológicas em tempo real, e conseguir informações sobre o clima. Como resultado, espera-se uma redução da exposição da população aos fenómenos meteorológicos extremos e o aumento da resistência aos câmbios climáticos futuros.

Especialistas do Escritório meteorológico britânico visitaram o país no mês passado, para identificar os locais mais adaptados para a construção de estações meteorológicas e selecionar sítios para instalar sistemas de base de dados centralizados. Uma equipa do escritório meteorológico britânico volta à Serra Leoa em 2012 para terminar a instalação de estações meteorológicas e formar os funcionários.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud