Antigo funcionário da ONU vai liderar governo do Haiti

5 outubro 2011

Servindo a organização, Garry Conille trabalhou junto de Bill Clinton como enviado especial para o país, exerceu funções nas áreas de desenvolvimento e saúde, além de prestar serviços na Etiópia e no Níger.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O antigo funcionário das Nações Unidas, Garry Conille, foi aprovado pelo Senado haitiano como novo primeiro-ministro do país.

Conille, 45 anos e ginecologista de profissão, trabalhou com o antigo presidente norte-americano e enviado especial da ONU para o Haiti, Bill Clinton.

Etiópia e Níger

O novo chefe do governo haitiano fez carreira nas Nações Unidas ligado às áreas de desenvolvimento e de saúde, além de servir em missões da organização na Etiópia e no Níger.

De acordo com agências de notícias, o primeiro-ministro foi aprovado  com 17 votos a favor, três contra e nove abstenções. A medida segue-se à rejeição de duas propostas anteriores que ditaram o adiamento da formação do governo do presidente Michel Martelly.

Após a sua eleição para dirigir o Haiti, em Março, Martely prometeu reconstruir o país devastado pelo terramoto do ano passado, desenvolver as zonas rurais e modernizar o exército.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud