Recuperação de Portugal “no caminho certo”, aponta o FMI

15 agosto 2011

Técnicos do Fundo Monetário Internacional, Comissão Europeia e  Banco Central Europeu avaliaram performance trimestral do país de 1 a 12 de Agosto.

[caption id="attachment_203190" align="alignleft" width="350" caption="Praça do Comércio, Lisboa"]

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Uma equipa mista de avaliação, que incluiu técnicos do Fundo Monetário Internacional, FMI,  indica que Portugal  está no caminho certo rumo à recuperação.

O grupo, que também integrou funcionários da Comissão Europeia, União Europeia e do Banco Central Europeu, BCE, visitou o país nos primeiros doze dias de Agosto. O comunicado tece elogios ao “compromisso do novo governo para cumprir o programa ambicioso e abrangente acordado em Maio de 2011.”

Competitividade

Na ocasião, o país recebeu € 6,1 mil milhões do FMI e €1,75 mil milhões da União Europeia.

A avaliação cobriu o primeiro trimestre do Programa Económico do Governo, que deve “restaurar a competitividade e posicionar a economia portuguesa rumo a um crescimento sustentável,  solidez das finanças públicas e criação de empregos.”

Determinação

O comunicado aponta a determinação das autoridades em acelerar a implementação nas áreas-chave da economia. Para tal, a equipa considera que “as perspectivas de sucesso foram impulsionadas pelas decisões dos líderes europeus na cúpula de 21 de Julho, ao reduzirem as taxas de juros do Fundo Europeu de Estabilidade”.

O grupo aponta que “o mais importante é que haja prontidão para que sejam garantidos financiamentos até a normalização do acesso do país aos mercados, bem como os esforços de ajustes de Portugal.”

A missão aponta que a conclusão bem-sucedida do programa “depende agora, mais do que nunca, do esforço e determinação do governo português e dos portugueses.”

Segundo as previsões do FMI, o Produto Interno Bruto do país deve reduzir 2,2% em 2011, esperando-se uma recuperação no início de 2013.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud