ONU alarmada com anuncio Israel de criar novas casas em Jerusalém Oriental
BR

11 agosto 2011

Novo complexo habitacional que inclui 1,6 mil unidades em Ramat Shlomo já havia sido condenado em  2010 durante a fase inicial de planejamento.

[caption id="attachment_203004" align="alignleft" width="350" caption="Robert Serry é coordenador especial da ONU para o Processo de Paz no Oriente Médio"]

Yara Costa, da Rádio ONU em Nova York.

O coordenador especial da ONU para o Processo de Paz no Oriente Médio, Robert Serry disse estar alarmardo com o anúncio por parte do governo Israel de desenvolver novos complexos habitacionais em Jerusalém Oriental.

As novas unidades de habitação incluem 1.6 mil casas na região de crescimento residencial, Ramat Shlomo. O projeto já havia sido condenado pelo Quarteto em 12 de março de 2010, durante a fase inicial de planejamento.

Negociações em risco

Em declaração, publicada nesta quinta-feira, Serry indica que se confirmada, a ação que considera provocadora, mina os esforços em curso da comunidade internacional de que as partes retomem as negociações e que uma agenda positiva seja criada para setembro.

O anúncio foi feito apenas uma semana após uma decisão isolada do governo de Israel sobre a construção de casas adicionais em outro assentamento em Jerusalém Oriental.

O plano de construção de novas casas foi amplamente criticado pela comunidade internacional.

O coordenador especial vai falar com parceiros do Quarteto sobre a decisão.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud