Tribunal da ONU divulga nomes e fotos de suspeitos no Caso Hariri
BR

29 julho 2011

Ex-primeiro-ministro do Líbano foi assassinado em atentado a bomba em 2005, na capital do país, Beirute; segundo agências de notícias, todos os acusados de envolvimento teriam ligação com o movimento islâmico Hezbollah.

Yara Costa, da Rádio ONU, em Nova York.*

O Tribunal apoiado pela ONU que apura o assassinato do ex-primeiro-ministro do Líbano, Rafik Hariri, divulgou, uma lista com os nomes dos quatro acusados de participação no crime.

De acordo com agências de notícias, os quatro homens teriam ligação com o movimento islâmico xiita Hezbollah.

Dados Biográficos

Rafik Hariri e mais 22 pessoas foram mortas num atentado a bomba em Beirute, capital do Líbano, em fevereiro de 2005.

Segundo a mídia libanesa, o Hezbollah que integra o governo do país teria afirmado que não irá permitir a prisão dos acusados Jamil Salim Ayyash, Mustafa Amine Badreddine, Hussein Hassan Oneissi eAssad Hassan Sabra.

Pela ordem judicial foram divulgados os nomes completos, dados biográficos, fotos e as acusações enfrentadas por cada um.

O prazo para as autoridades do Líbano para informar sobre os progressos na realização dos mandados de prisão é em 11 de agosto.

*Apresentação: Luisa Leme, da Rádio ONU em Nova York.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud