ONU hasteia bandeira de seu mais novo país-membro: Sudão do Sul
BR

14 julho 2011

Símbolo da nação africana foi levado à frente da sede da organização, em Nova York, onde são expostas todas as bandeiras dos Estados-membros.

[caption id="attachment_201500" align="alignleft" width="350" caption="Delegação do Sudão do Sul"]

Eleutério Guevane, da Rádio ONU, em Nova York.*

A Assembleia Geral da ONU aprovou, nesta quinta-feira, a adesão de seu mais novo membro: o Sudão do Sul. À cerimônia compareceram autoridades da mais nova nação do mundo, que passou a ser o país 193 das Nações Unidas. A declaração foi confirmada pelo presidente da Assembleia Geral da ONU, Joseph Deiss.

Após a aprovação, a delegação sul-sudanesa recebeu uma cadeira com o nome Sudão do Sul no plenário da Assembleia Geral. O Sudão do Sul se tornou independente do Sudão no sábado, 9 de julho.

Ao discursar na cerimônia, o Secretário-Geral, Ban Ki-moon, saudou o novo membro da organização.

Ban Ki-moon afirmou que o país deve estar ciente da tarefa de seguir rumo ao futuro com o seu potencial, recursos abundantes, orgulho e de um povo trabalhador. Logo após a entrada oficial na Assembleia Geral, a delegação sul-sudanesa e vários representantes dos países-membros foram à entrada da sede, onde foi hasteada a bandeira do Sudão do Sul.

*Apresentação: Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud