ONU pede maior foco em pessoas à beira do mundo atingir 7 bilhões
BR

11 julho 2011

Em mensagem para marcar o Dia Mundial da População, nesta segunda-feira, Secretário-Geral lembra que muitos ainda não têm acesso aos recursos necessários à sobrevivência.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

A ONU lançou uma campanha para comemorar a marca de 7 bilhões de habitantes no mundo. A iniciativa batizada de “7 Bilhões de Ações” coincide com o Dia Mundial da População, neste 11 de julho.

A campanha deve ficar no ar até o fim de outubro quando se espera que a Terra chegue a 7 bilhões de moradores.

Mulheres

Em mensagem para marcar a data, Ban Ki-moon afirmou que apesar dos recursos existentes, ainda há muitas pessoas que não têm acesso a eles. Segundo Ban, é preciso tornar as pessoas o centro deste processo.

Em entrevista à Rádio ONU, de Santiago do Chile, o demógrafo Paulo Saad, disse que um dos desafios para o aumento da população é o envelhecimento em países desenvolvidos e em desenvolvimento, como o Brasil.

"O envelhecimento da população traz suas consequências também. Apesar de o envelhecimento ser uma virtude, e que os países alcancem que as pessoas vivam mais, ele traz consequencias em relação ao aumento do gasto na área da saúde. Existe uma população menor economicamente ativa para sustentar os dependentes e tem uma pressão nos sistemas de pensão e aposentadoria."

Durante a mensagem para marcar o Dia Mundial da População, Ban Ki-moon, ressaltou a importância de redes e associações sociais. Estima-se que até 2040, o mundo possa ter 9 bilhões de pessoas.

Já o diretor-executivo do Fundo da ONU para a População, Unfpa, Babatunde Osotimehin, pediu uma ação conjunta para evitar a morte diária de mil mulheres, devido a complicações na gravidez e no parto. Segundo ele, cerca de 215 milhões de mulheres no mundo não têm acesso a métodos contraceptivos.

*Apresentação: Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud