Na Nigéria, Ban enaltece contributo do país em operações da ONU

23 maio 2011

Secretário-Geral fala de papel nigeriano em operações internacionais, após participar na investidura do presidente marfinense, Alassane Ouattara.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Secretário-Geral da ONU enalteceu, esta terça-feira, o papel da Nigéria na resolução da crise de Cote d'Ivoire, também conhecida como Costa do Marfim.

Ban Ki-moon discursava em Abuja, após manter um encontro com o ministro dos Negócios Estrangeiros, Henry Odein Ajumogobia, com quem discutiu a participação do país da África Ocidental em operações da ONU.

Combate ao Tráfico

No âmbito da visita que está a efectuar à Nigéria, Ban discutiu igualmente o seu papel no Conselho e Segurança e os esforços para conter o terrorismo e o tráfico de armas de pequeno porte e o seu comércio ilícito.

Junto do Comité Presidencial sobre dos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio, Ban acompanhou os progressos do país e visitou um centro médico para acompanhar os avanços campanha de saúde materna apoiada pela ONU.

Eleições

Em contacto com as autoridades eleitorais, Ban elogiou a organização das eleições presidenciais, legislativas e estaduais, recentemente realizadas no Nigéria. Citando observadores internacionais, o Secretário-Geral apontou para melhorias significativas na organização do processo, em relação aos pleitos anteriores, mas alertou para a resolução pacífica das disputas eleitorais.

Antes, Ban participou na tomada de posse do presidente marfinense, Alassane Ouattara, além de visitar a Missão da ONU do país, Onuci. Ele considerou as eleições um marco para a Cote d'Ivoire e a Comunidade dos Países da África Ocidental, Cedeao.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud