Peritos apontam a urgência do uso de energias renováveis

10 maio 2011

De acordo com novo estudo, fontes de energias renováveis podem responder até cerca de 80% das necessidades do planeta.

[caption id="attachment_182383" align="alignleft" width="175" caption="Desafio técnico"]

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

As fontes de energias renováveis poderiam satisfazer cerca de 80% das necessidades energéticas do planeta, até 2050, se fossem aplicadas as medidas necessárias, afirma um estudo publicado pelo Grupo Intergovernamental de Especialistas sobre as Mudanças Climáticas.

O estudo publicado em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, refere que se forem aplicadas as políticas apropriadas, o mundo poderia reduzir as suas emissões de gases de efeito de estufa em um terço.

Aumento

A medida evitaria que a temperatura aumente até 2 graus até ao final do século.

O Profesor Ottmar Edenhofer, co-presidente do grupo, disse que o aumento substancial das energias renováveis é um desafio técnico e político.

Edenhofer apontou para o facto do documento associar especialistas e cientistas de tecnologias disponíveis que "de forma sistemática, ampla e imparcial, apresentam o conhecimento do potencial de carbono no presente e futuro com vista a uma maior eficiência energética."

As energias renováveis abordadas na pesquisa incluem a bioenergia, a solar directa e geotérmica, a hidroenergia, a oceânica e a eólica

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud