Acnur condena morte de candidatos a asilo somalis em Moçambique (Português África)

6 maio 2011

Agência quer mais detalhes sobre a morte de quatro somalis pela polícia na província de Cabo Delgado, a norte.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, disse estar "profundamente preocupado" com a morte a tiro de quatro candidatos a asilo da Somália pela polícia moçambicana.

Em nota, a agência refere que o incidente fatal, ocorrido a 29 de Abril, foi confirmado pelo Instituto Nacional para Assistência a Refugiados, do governo moçambicano. Os disparos ocorreram no distrito de Namoto, na província de Cabo Delgado, a norte do país.

Detalhes

O Acnur diz estar a tentar obter mais detalhes sobre as circunstâncias do incidente junto às autoridades moçambicanas na capital, Maputo. As autoridades nacionais dizem ter lançado investigações ao acidente.

O Acnur apela ao governo moçambicano que respeite os direitos humanos dos candidatos a asilo e que tome as medidas necessárias para assegurar que os responsáveis prestem contas.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud