OMI reage à libertação de embarcação do Panamá por piratas somalis

19 abril 2011

Cinco tripulantes e um comandante do cargueiro panamiano M/V Asphalt Venture continuam em paradeiro desconhecido; Emirados Árabes Unidos assinam Código de Conduta de Djibouti.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU, em Nova Iorque.

A Organização Marítima Internacional, OMI, condenou os actos de pirataria e assalto à mão armada perpetrados ao largo da costa somali. Em comunicado, a agência deplora o tratamento submetido aos navegadores feitos reféns pelos piratas que operam na região.

Em reação à libertação recente de parte dos navegadores do cargueiro panamiano M/V Asphalt Venture, a agência condena igualmente o uso das vítimas como escudos humanos. Segundo aponta, vários navios recentemente capturados, têm sido usados como "embarcações-mãe" ou em terra pelos piratas.

Paradeiro Desconhecido

O M/V Asphalt Ventures, sequestrado a 29 de Setembro de 2010, foi recuperado na última sexta-feira. Cinco tripulantes e um comandante continuam em paradeiro desconhecido, após terem sido retirados do navio no momento da sua libertação.

Entretanto, no âmbito dos esforços de combate à pirataria, os Emirados Árabes Unidos tornaram-se nesta segunda-feira no 18º signatário do Código de Conduta de Djibouti.

Capacidade Regional

A assinatura do instrumento foi feita em Dubai, pelo ministro assistente para Organizações Internacionais, Saeed Al Shamsi. O acordo foi criado pela OMI para desenvolver a capacidade regional para conter a pirataria no Golfo de Aden e no leste do Oceano Índico.

Ao abrigo do pacto, efectivo desde Janeiro de 2009, o signatários devem cooperar em actividades que incluem a detenção de suspeitos piratas, interdição da navegação de navios suspeitos e salvamento das vítimas.

O acordo prevê igualmente a partilha de informações com os centros regionais de apoio situados no Quénia, Tanzânia e Iémen.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud