Banco Mundial disponibiliza US$ 41 milhões a Moçambique

13 abril 2011

Investimento deve ser canalizado para gerir e manter estradas e pontes; nova estratégia da instituição prevê maiores investimentos em infra-estruturas em África.

Manuel Matola, da Rádio ONU em Maputo.

O Banco Mundial anunciou a concessão de um crédito de US$ 41 milhões a Moçambique para apoiar a aplicação da segunda fase do programa de gestão e manutenção de estradas e pontes no país.

Uma nota do Conselho de Direcção do Banco Mundial indica que a verba será adicionada aos US$ 100 milhões já canalizados pela instituição em 2007, para um período de cinco anos.

Deficiências

De acordo com o Banco Mundial, 20% dos mais de 29 mil quilómetros da rede rodoviária do país estão asfaltadas.

O comunicado emitido na sexta-feira sublinha que "o projecto tem o objectivo de melhorar o acesso da população às vias de comunicação, através da manutenção, reabilitação e modernização da rede de estradas".

A iniciativa insere-se no âmbito da nova Estratégia Regional do Banco Mundial para África, que preconiza maiores investimentos em infra-estruturas no continente africano.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud