África Ocidental está perto de eliminar a pólio, defende a OMS (Português África)

25 março 2011

Surto afectou centenas de crianças de 11 países da região; Nigéria regista descida do número de novos casos na ordem de 95%.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A epidemia da pólio está perto de ser erradicada na África Ocidental, anunciou, esta sexta-feira, em Genebra, a Organização Mundial da Saúde, OMS.

De acordo com a agência, peritos alertam, entretanto, que a complacência pode vir a fazer ressurgir o surto. Desde 2009, 11 países da região foram afectados pela doença, "que provocou paralisia em centenas de crianças."

Novas Campanhas

Várias campanhas de vacinação, abrangendo os países da região, foram realizadas entre o final de 2009 e princípios de 2010.

Cerca de 38 milhões de crianças devem ser vacinadas por uma rede de mais de 1800 voluntários, numa iniciativa levada a cabo nesta sexta-feira e que será reforçada a 28 de Abril.

Focos de Transmissão

Segundo a OMS, um total de 48 milhões de doses de vacinas contra a pólio serão disponibilizadas, com vista a extinguir todos os possíveis focos de transmissão da doença.

Durante o ano passado, a agência anunciou a intensificação dos seus esforços na Nigéria, que na semana passada recebeu US$ 60 milhões do Banco Mundial para desenvolver campanhas de imunização.

O país, que é o único endémico em África, registou uma descida do número de novos casos na ordem de 95% em 2010, comparativamente ao ano anterior.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud