PMA distribui alimentos a mais de 50 mil em Mogadíscio

9 março 2011

Agência fornece diariamente comida a 85 mil pessoas na capital somali; número de desalojados ronda os 240 mil.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Programa Mundial da Alimentação, PMA, anunciou esta quarta-feira o início da distribuição de alimentos a mais 50 mil pessoas na capital somali, Mogadíscio.

A operação teve início esta semana, como resposta às carências alimentares graves devido à seca e aos conflitos no país do Corno de África, refere a agência.

Afectados

Sem um governo funcional desde 1991, a Somália tem enfrentado conflitos sucessivos. Os mais recentes têm sido levados a cabo pelos militantes islamitas al-Shabaab.

Segundo a ONU, a crise humanitária afecta mais de 3,2 milhões de pessoas, o equivalente a 40% da população.

Prioridades

O PMA refere que, em coordenação com os seus parceiros, está a priorizar as mulheres e crianças que foram forçadas a abandonar as suas casas. A distribuição de biscoitos altamente energéticos ocorre em 20 campos situados nos arredores da capital.

A agência diz que distribui diariamente alimentos a 85 mil pessoas em Mogadíscio e anunciou a abertura de mais centros, a serem geridos com organizações parceiras para providenciar alimentos cozidos aos necessitados.

Cerca de 240 mil desalojados estão concentrados na capital somali.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud