Fuga em massa em Abyei após morte de 100 em confrontos

3 março 2011

Funcionários da missão da ONU no Sudão testemunham enterro colectivo; norte e sul do Sudão disputam enclave rico em recursos naturais.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Centenas de mulheres e crianças fogem de Abyei, depois de confrontos que esta semana provocaram mais de 100 mortos, anunciou, esta quinta-feira, a missão da ONU no Sudão, Unmis.

A porta-voz da missão, Hua Jiang, confirmou que funcionários da organização presenciaram o enterro em massa de 33 pessoas, após confrontos ocorridos na quarta-feira.

Fuga em Massa

Segundo referiu, cerca de 300 mulheres e crianças abandonaram Abyei em direcção à vila de Agok.

O enclave de Abyei, rico em recursos naturais, está situado entre o norte e o sul do Sudão e o seu controle é disputado pelas duas partes.

Secessão

Em Janeiro, os sudaneses do sul votaram pela sua separação do norte. O acto marcou o culminar do Acordo Abrangente de Paz, assinado em 2005, que pôs termo a duas décadas de conflito. Segundo a ONU, a independência do sul do Sudão será declarada a 9 de Julho.

Uma consulta popular para decidir se Abyei deveria integrar o norte ou o sul, que estava prevista para o mesmo período, foi adiada devido a divergências sobre a elegibilidade dos eleitores.

Em 2008, mais de 600 mil pessoas abandonaram o enclave, depois de uma operação conjunta de forças do exército do norte do Sudão e milícias aliadas.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud