Ban pede ao Conselho de Segurança “ações decisivas” contra a Líbia
BR

25 fevereiro 2011

Secretário-Geral recomenda imposição de sanções; órgão da ONU discute novamente medidas neste sábado.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

O Secretário-Geral da ONU afirmou nesta sexta-feira que "chegou o momento de agir" para proteger a população da Líbia. Ban Ki-moon disse apoiar a proposta do Conselho de Direitos Humanos de suspender o país africano do órgão.

Ele lembrou que a medida precisaria ser apoiada por dois terços dos países- membros da Assembleia Geral. Segundo Ban, o presidente da Assembleia informou que o assunto será considerado no início da próxima semana.

No fim da tarde desta sexta-feira, Ban Ki-moon anunciou ainda que recomendou ao Conselho de Segurança que considere a imposição de sanções e medidas direcionadas aos responsáveis pela violência na Líbia.

Mortos

O Secretário-Geral citou ainda estimativas de que a instabilidade já teria provocado mais de mil mortes na Líbia. Ban pediu ao Conselho de Segurança que considere uma "variedade de opções para ação."

Ele classificou de "histórico momento de virada" o pedido feito pelo embaixador líbio junto às Nações Unidas, por ajuda da organização.

Já a embaixadora do Brasil nas Nações Unidas, Maria Luiza Ribeiro Viotti, anunciou que o Conselho de Segurança vai se reunir novamente neste sábado para discutir possíveis medidas para conter a violência na Líbia.

*Apresentação: Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud