Moçambique prepara campanha sobre direitos humanos da ONU

30 dezembro 2010

Iniciativa a arrancar em janeiro, decorre no âmbito da iniciativa global da organização para a promoção dos direitos humanos.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Milhares de jovens de Moçambique serão abrangidos por uma campanha de promoção dos direitos humanos e prevenção do HIV.

A iniciativa arranca em janeiro de 2011 e é desenvolvida pelo Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Sida, Onusida, em coordenação com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Pnud, e o Fundo da População das Nações Unidas, Fnuap.

Expectativa

Em entrevista à Rádio ONU, a Oficial de Programas do Pnud, Deborah Nandja, em Maputo, disse que a expectativa é que até ao final de 2011, período do término da campanha, melhore a percepção juvenil em relação aos seus direitos.

"A ideia é que a juventude conheça os seus direitos. Que conheça os direitos humanos em todas as vertentes. O jovem está muito focado, aqui especificamente em Moçambique, em exigir do governo, sempre com uma bandeira política. O que nós queremos é que eles se organizem e reivindiquem os seus direitos porque, muitas vezes, não sabem o direito que têm", disse.

Teste

O teste do projecto foi a pré-campanha "Rapariga: Conheça os seus Direitos Humanos e Proteja-se do HIV", que decorreu até Dezembro em várias escolas da capital, Maputo.

A iniciativa teve uma fase final com 40 participantes que conceberam cartazes e histórias de bandas desenhadas, a serem reproduzidos e distribuídos em várias escolas do país.

O projecto enquadra-se na campanha global da ONU para a promoção dos direitos humanos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud