Apoios permitiram o registo de 3,5 milhões de sudaneses do sul para o referendo

28 dezembro 2010

Pnud fez recentemente uma oferta de urnas para cerca de 4 milhões de eleitores ao Bureau para o Referendo do Sul do Sudão.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

As autoridades do sul do Sudão receberam um apoio adicional do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Pnud, com vista à organização do referendo agendado para 9 de Janeiro.

Na semana passada, a agência doou urnas para serem usadas por cerca de 4 milhões de eleitores ao Bureau para o Referendo do sul do Sudão.

Auxílio

O Pnud ajudou também a estabelecer e a equipar cerca de 3 mil centros de registo e a formar cerca de 8 mil funcionários para a gestão dos centros.

Como parte do auxílio ao processo, a agência adquiriu mobiliário e equipamento para os centros localizados em regiões remotas e inacessíveis para viaturas.

Registo Eleitoral

O apoio do Pnud incluiu a distribuição de kits para o referendo em todas as assembleias de voto do sul do Sudão.

Antes, a agência apoiou igualmente na coordenação de campanhas de educação para o voto, workshops e na entrega de kits para os centros de recenseamento, que foram transportados por via aérea para as capitais dos 10 estados do sul do Sudão.

Como resultado, mais de 3,5 milhões de eleitores foram registados no sul e norte do Sudão e nos países da diáspora, incluindo a Austrália, Egipto, Reino Unido e Estados Unidos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud