Ban condena ataque próximo à unidade da FAO no Paquistão
BR

27 dezembro 2010

Segundo agências de notícias, pelo menos 45 pessoas morreram em ataque suicida.

[caption id="attachment_186857" align="alignleft" width="175" caption="Foto: FAO"]

Alessandra Ribeiro, da Rádio ONU em Nova York. *

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, classificou como "atroz" o ataque ocorrido em frente ao centro de distribuição da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO, no Paquistão.

Segundo agências de notícias, uma mulher bomba teria sido a responsável pela explosão, que causou a morte de pelo menos 45 pessoas que estavam recebendo alimentos na cidade de Khar, no sábado.

Inocentes

Em nota divulgada neste domingo, o porta-voz de Ban disse que o "Secretário-Geral demonstra profundas condolências às famílias das vítimas, e também ao governo e ao povo do Paquistão." Segundo o comunicado, Ban lamenta o ato de "terrorismo contra pessoas inocentes."

A FAO está presente no Paquistão desde 1968. Apesar dos desafios em relação às questões de segurança, a agência atendeu quase 10 milhões de pessoas em 2010.

*Apresentação: Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud