Ban chocado com violência na Nigéria

27 dezembro 2010

Anunciados pelo menos 30 mortos e 70 feridos; Secretário-Geral da ONU manifesta apoio aos esforços das autoridades nigerianas com vista a levar os responsáveis dos ataques do fim de semana à justiça.

[caption id="attachment_189148" align="alignleft" width="175" caption="Ban Ki-moon"]

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, condenou este domingo a violência que resultou em pelo menos 30 mortos e 70 feridos na Nigéria.

De acordo com agências de notícias, ocorreram vários ataques bombistas nesta sexta-feira, na cidade de Jos, no estado central de Plateau.

Confrontos

Na sequência, ocorreram confrontos na cidade que, no princípio deste ano, foi cenário de ataques entre cristãos e muçulmanos.

Num outro desenvolvimento, membros de uma seita muçulmana teriam atacado duas igrejas no estado de Borno, no norte, provocando a morte de várias pessoas.

Em comunicado do porta-voz, Ban condena os actos deploráveis de violência e apoia os esforços das autoridades nigerianas com vista a levar os responsáveis à justiça.

O Secretário-Geral apresentou condolências aos familiares das vítimas, governo e povo nigerianos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud