TPI pede detenção do Presidente sudanês à República Centro-Africana

1 dezembro 2010

Pedido segue-se a informações sobre uma possível visita de Omar al-Bashir ao país.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.

O Tribunal Penal Internacional, TPI, pediu à República Centro-Africana que tome todas as medidas necessárias para prender o presidente do Sudão, Omar al-Bashir, e transferi-lo para o tribunal, caso este chegue ao país.

Em Julho, o TPI emitiu um segundo mandado de prisão contra o presidente sudanês, no qual vem acrescida a acusação da prática de genocídio à lista dos alegados crimes cometidos no conflito da região de Darfur. Mas o presidente sudanês negas as acusações.

Crimes de Guerra

Em Março do ano passado, al-Bashir tornou-se no primeiro chefe de Estado a ser acusado pelo tribunal que o indicia da prática de crimes de guerra e contra a humanidade.

Segundo o TPI, o pedido avançado nesta quarta-feira segue-se a informações sobre uma possível visita de Omar al-Bashir ao país.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud