Exclusão de 10 partidos das eleições em Mianmar preocupa
BR

16 setembro 2010

Entre eles, está o opositor Liga Nacional pela Democracia, chefiado pela ganhadora do Prêmio Nobel da Paz, Aung San Suu Kyi.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que está preocupado com a decisão de Mianmar de excluir 10 partidos de participação nas eleições, marcadas para 7 de novembro.

A afirmação foi feita pelo porta-voz de Ban, em Nova York.

Presos Políticos

Ban pediu às autoridades de Mianmar que realizem um pleito inclusivo no país.

Dentre os partidos excluídos está o opositor Liga Nacional pela Democracia, liderado pela ganhadora do Prêmio Nobel da Paz, Aung San Suu Kyi.

Mianmar, que é chefiado por uma Junta Militar, mantém Suu Kyi presa há quase duas décadas.

Ainda este ano, Ban fez vários apelos sobre a libertação de todos os presos políticos no país do sudeste asiático.

Será a primeira eleição em Mianmar desde 1990. Há 20 anos, o partido de Aung San Suu Kyi venceu o pleito, mas foi impedido de assumir o poder.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud