Japão doa US$ 6,9 milhões a refugiados palestinos
BR

1 setembro 2010

Verba será usada pela agência da ONU na compra de alimentos para milhares de palestinos; Japão é o terceiro maior doador da Unrwa.

[caption id="attachment_184271" align="alignleft" width="175" caption="Crianças palestinas"]

Daniela Kresch, da Rádio ONU em Tel Aviv.

O governo do Japão anunciou a doação de US$ 6,8 milhões, o equivalente a mais de R$ 12 milhões, para programas alimentares da Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados Palestinos, Unrwa, nos próximos dois anos.

O acordo foi assinado nesta terça-feira, na Jordânia, pelo comissário-geral da agência, Filippo Grandi, e o secretário nacional de Assuntos Estrangeiros do Japão, Koichi Takemasa.

FamíliasA verba será usada na compra de alimentos - especialmente farinha e grãos para famílias de baixa renda como parte de programas de assistência social que atendem a mais de 250 mil refugiados palestinos na Faixa de Gaza, na Cisjordânia, na Síria e no Líbano.

Através dos programas sociais da Unrwa, as famílias recebem, a cada três meses, cestas com comida que incluem açúcar, arroz, óleo e leite em pó.

Grandi agradeceu ao governo do Japão, afirmando que a contribuição "é um exemplo de apoio" ao "bem-estar de alguns dos refugiados palestinos mais vulneráveis no Oriente Médio".

Cooperação

Segundo o comissário-geral da Unrwa, a doação enfatiza o comprometimento do Japão com os palestinos e dá continuidade a mais de 50 anos de cooperação entre o país e a agência da ONU.

O Japão é o terceiro maior doador da Unrwa, depois dos Estados Unidos e da União Europeia.

Filippo Grandi também aproveitou para assinalar que o déficit atual da Unrwa é de US$ 84 milhões, cerca de R$ 150 milhões.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud