PAM avalia impacto das suas operações no Paquistão

30 agosto 2010

Chefe da agência vai visitar as regiões mais atingidas pelas enchentes acompanhada pelo director do Fundo da ONU para a Infância, Unicef, Antony Lake. Os dois órgãos estão a cooperar para melhorar a assistência às vítimas do flagelo.

[caption id="attachment_184122" align="alignleft" width="175" caption="PMA: assistência continua"]

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A directora-executiva do Programa Alimentar Mundial, PAM, Josette Sheeran, inicia esta terça-feira uma visita de dois dias ao Paquistão.

O objectivo da visita é avaliar como as operações da agência da ONU estão a satisfazer as necessidades de milhões de pessoas afectadas pelas cheias.

Coordenação

Sheeran vai também tentar melhorar a coordenação das actividades do PAM com os esforços do governo paquistanês e apelar para um apoio mais robusto da comunidade internacional.

Durante a sua missão, a chefe da agência das Nações Unidas visitará as regiões mais atingidas pela calamidade acompanhada pelo director do Fundo da ONU para a Infância, Unicef, Anthony Lake. Os dois órgãos estão a cooperar para melhorar a assistência às vítimas do flagelo.

Josette Sheeran visitará um centro médico rural e irá supervisar os esforços do PAM para proteger as crianças mais vulneráveis através da entrega de biscoitos altamente nutritivos.

A agência já distribuiu esses produtos a cerca de 750 mil pessoas desde o início da crise, em finais de Julho.

Infraestruturas

Nas últimas quatro semanas, o Programa Alimentar Mundial fez a entrega de rações de comida para um mês a mais de 2,5 milhões de paquistaneses. Segundo a ONU, a distribuição está a ocorrer num contexto difícil, marcado pela ameaça de mais cheias, a falta de infraestruturas e movimentos populacionais.

Cerca de 20 milhões de pessoas foram atingidas pelas enchentes de Julho, no noroeste do Paquistão.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud