Drogas no Brasil e no mundo

24 junho 2010

Daniela Traldi, da Rádio ONU em Nova York.

Há indícios de que a fabricação das substâncias conhecidas como anfetaminas esteja se expandindo para novas regiões além da Europa.

O novo ‘Relatório Mundial sobre Drogas 2010', lançado nesta quarta-feira pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, Unodc, mostra que a América Latina é uma dessas áreas.

Segundo a agência da ONU, dados de 2008 revelaram, pela primeira vez, a existência de um laboratório ilícito para produção de ecstasy no Brasil.

O documento cita que, no ano passado, autoridades brasileiras desmantelaram um fabricante maior e mais sofisticado, que resultou na apreensão de 30 mil comprimidos.

O representante regional do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime para o Brasil e Cone Sul, Unodc, Bo Mathiasen, disse à Rádio ONU, de Brasília, que os países precisam ficar atentos.

Acompanhe a entrevista.

Tempo Total: 2´48´´

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud