Cultivo de coca em alta no Peru, afirma Unodc
BR

22 junho 2010

Segundo agência da ONU, se a tendência continuar, o país logo irá ultrapassar a Colômbia como maior produtor de coca do mundo; Colòmbia registrou queda de 16% no cultivo no ano passado.

Daniela Traldi, da Rádio ONU em Nova York.

O Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, Unodc, informou nesta terça-feira que o cultivo de coca caiu 5% nos países andinos da Bolívia, Colômbia, Equador e Peru em 2009.

Só na Colômbia a queda foi de 16% no ano passado, uma redução de quase 60% se comparada com o período de ápice registrado há uma década.

Política

Segundo o diretor-executivo do Unodc, Antonio Maria Costa, a política de controle de drogas adotada pelo governo colombiano nos últimos anos, aliada à segurança e desenvolvimento, tem gerado retorno.

O Unodc afirma que o cultivo de coca na Colômbia se tornou arriscado e menos lucrativo para o crime organizado.

As plantações estão menores, mais dispersas e menos produtivas, o que aumenta a demanda de comunidades locais para fontes alternativas legais de subsistência.

Cultivo

No Peru, o cultivo de coca continuou em crescimento pelo quarto ano consecutivo, alta de quase 7% em 2009.

De acordo com Antonio Maria Costa, se a tendência continuar, o país logo irá ultrapassar a Colômbia como maior produtor de coca do mundo.

O Unodc apresenta nesta quarta-feira o ‘Relatório Mundial sobre Drogas', com situação global do mercado de cocaína, tráfico e fornecimento.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud