Unicef usa futebol para promover direitos das crianças na Côte d'Ivoire

13 maio 2010

A representante da agência no país oeste-africano disse que o futebol desperta enormes paixões em África e cria uma atmosfera de fraternidade e amizade; torneio de jovens decorre até 16 de Maio.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A menos de um mês do início do mundial na África do Sul, centenas de crianças participam em partidas de futebol na Côte d'Ivoire para promover os direitos de menores.

A iniciativa, "Directo ao Golo" é organizada pelo Fundo da ONU para a Infância, Unicef, em parceria com a Federação Marfinhense de Futebol e envolve crianças dos sete aos 17 anos. O torneio decorre de 12 a 16 deste mês nas cidades de Odienne e Bondoukou.

Fraternidade

A representante do Unicef no país oeste-africano, Maarit Hirvonen, disse que o futebol desperta enormes paixões em África e cria uma atmosfera de fraternidade e amizade.

Ela afirmou que nenhum outro fórum oferece à agência uma tal oportunidade para aumentar a consciência das pessoas e promover os direitos das crianças.

Os participantes no torneio estão divididos em 32 equipas de 10 jogadores cada. Além de jogarem futebol, as crianças vão tomar parte em actividades educacionais, sessões de poesia, dança e peças teatrais de sensibilização sobre os seus direitos.

Os temas abordados dizem respeito aos problemas que os menores enfrentam na Côte d'Ivoire, incluindo o registo de nascimento, direito a educação, HIV, e violência contra crianças.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud