Agricultura na África Sub-Saariana

6 maio 2010

Chefe da agência da ONU disse que a situação de segurança alimentar no continente requer uma atenção urgente e total da comunidade internacional; ele notou que a escassez de investimentos é a principal razão para a fome e malnutrição em África.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O director-geral da Organização da ONU para Agricultura e Alimentação, FAO, Jacques Diouf, apelou aos países africanos para darem mais atenção à segurança alimentar no continente.

Falando esta quinta-feira no segmento ministerial da conferência regional da FAO para África, a decorrer em Luanda, Angola, Diouf revelou que desde 2009 mais de 269 milhões de pessoas na África Subsaarina estão malnutridas e que 30% da população do continente passa fome.

Atenção Urgente

Ele disse que esta situação requer uma atenção urgente e total da comunidade internacional.

O chefe da FAO notou que a escassez de investimentos é a principal razão para a fome e malnutrição em África.

Ele explicou que contrariamente à promessa feita na cimeira da União Africana em Maputo, em 2003, apenas nove países africanos dedicaram pelo menos 10% dos seus orçamentos ao sector agrícola.

O assistente do representante da FAO na Guiné-Bissau, Rui Fonseca, disse à Rádio ONU, da capital guineense, que é importante dar mais atenção à agricultura, pois ela representa mais de 50% do Produto Interno Bruto no continente.

Sector Crucial

"Em vários países africanos não há uma política clara do desenvolvimento do sector. A maior parte dos países do continente fazem declarações de que a agricultura é prioritária mas na realidade não dão importância a esse sector que é crucial para a vida das populações. Existem vários problemas ao nível da agricultura, incluindo a falta de materiais de qualidade, o problema de acesso a água em muitos países e a questão das infraestruturas rurais", afirmou.

Jacques Diouf disse que está convicto de que África é capaz de desenvolver uma agricultura forte para alimentar a sua população com vontade política e boa governação.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud