Conselho de Segurança prorroga mandato da Unmis

29 abril 2010

Numa resolução adoptada por unanimidade, os 15 membros do conselho deixaram em aberto a possibilidade de voltarem a prolongar a missão da ONU no Sudão, se as circunstâncias o permitirem.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Conselho de Segurança prorrogou esta quinta-feira o mandato da missão da ONU no Sudao, Unmis, por mais um ano para apoiar o acordo político que pôs fim a mais de duas décadas de guerra civil entre o norte e o sul.

O órgão máximo das Nações Unidas sublinhou a necessidade de serem cumpridas as restantes tarefas ao abrigo do tratado de paz, que foi assinado em 2005.

Resolução

Numa resolução adoptada por unanimidade, os 15 membros do conselho deixaram em aberto a possibilidade de voltarem a estender a missão, se as circunstâncias o permitirem.

O órgão destacou a importância de uma rápida e total implementação de todos os elementos do acordo assinado entre o governo no norte e os separatistas do Exército de Libertação do Povo Sudanês, Spla, no sul.

Uma etapa crucial do tratado acaba de ser cumprida com a recente realização das eleições. Um referendo sobre a auto-determinação do sul e o estatuto da região de Abyei, rica em petróleo, deverá ter lugar em 2011.

Referendo

O Conselho de Segurança pediu à Unmis para desempenhar um papel chave na preparação do referendo, marcado para Janeiro do próximo ano, e apelou à comunidade internacional para fornecer apoio técnico e assistência material solicitada.

No seu último relatório sobre o Sudão, o Secretário-Geral, Ban Ki-moon, disse que desafios sigificativos permanecem na preparação do referendo.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud