Ban expressa alívio por libertação de capacetes azuis em Darfur

27 abril 2010

Os quatro oficiais da polícia, dois homens e duas mulheres de nacionalidade sul-africana, foram libertados na segunda-feira; Ban Ki-moon agradeceu apoios dos governos do Sudão e África do Sul.

Carlos Araújo, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, disse estar fortemente aliviado com a libertação dos quatro capacetes azuis que tinham sido raptados em Darfur, há duas semanas.

Os quatro oficiais da polícia, dois homens e duas mulheres de nacionalidade sul-africana, foram libertados na segunda-feira.

Segurança

Num comunicado divulgado esta terça-feira pelo seu porta-voz, Ban afirmou que aprecia os esforços feitos pelo governo do Sudão para assegurar a libertação segura dos capacetes azuis que servem com a missão conjunta da ONU e da União Africana em Darfur, Unamid.

O Secretário-Geral enfatizou também a todas as partes a importância de garantir a segurança de todos os funcionários das Nações Unidas e pessoal de outras agências que estão na província para ajudar a população.

A nota revela que os quatro polícias são referidos como estando de boa saúde. Eles vão ser submetidos a exames médicos antes de viajarem para a África do Sul para se juntarem às suas famílias.

África do Sul

Ban agradeceu também o apoio do governo sul-africano pela sua ajuda ao processo de libertação dos capacetes azuis.

Os quatro polícias estiveram presos durante 16 dias. Eles desapareceram no domingo, 11 de Abril, quando viajavam da sua base, perto de Nyala, no estado de Darfur Sul, para as suas residências privadas a sete km de distância.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud