Ex-refém das Farc entregue à Cruz Vermelha já está com família
BR

31 março 2010

Pablo Emilio Moncayo foi libertado na área rural de Caquetá e transferido de helicóptero para a cidade de Florencia, com a ajuda do governo do Brasil; outro soldado colombiano já havia sido liberado no domingo.

Daniela Traldi, da Rádio ONU em Nova York.

O sargento colombiano Pablo Emilio Moncayo já está reunido com familiares após ser libertado na área rural de Caquetá.

Há 12 anos ele era refém das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia. Moncayo foi entregue na tarde de terça-feira à Cruz Vermelha Internacional, à senadora colombiana Piedad Córdoba e ao monsenhor Leonardo Gómez Serna.

Ajuda

O militar de 30 anos foi transferido de helicóptero para a cidade de Florencia, com a ajuda do governo do Brasil.

O soldado colombiano Josué Daniel Calvo, que também era refém das Farc, já havia sido liberado no domingo.

A Cruz Vermelha Internacional disse estar muito satisfeita com o sucesso das duas operações humanitárias e agradeceu os governos brasileiro e colombiano, a polícia, as forças armadas, a organização Colombianos pela Paz, a igreja e as Farc.

Corpo

O órgão afirma que é uma organização humanitária independente, imparcial e neutra que está pronta para facilitar a liberação de outros reféns e o retorno do corpo do policial Julián Ernesto Guevara à família.

Segundo agências de notícias, Guevara morreu no cativeiro na selva colombiana em janeiro de 2006 e há quatro anos os parentes pedem os restos mortais do oficial às Farc.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud